Família: adopção e co-adopção

Adopção e co-adopção por homossexuais

Em Portugal tem vindo a ser um caminho de avanços e recuos nesta matéria.

Este projecto de lei propõe a co-adopção de crianças por casais do mesmo sexo, casados ou em união de facto. A iniciativa pretende atender a casos de crianças que já vivem nestas famílias, mas que em caso de perda do seu pai ou a mãe biológica ou adoptiva, podem correr o risco de ser retiradas ao cônjuge sobrevivente por não terem com ele qualquer vínculo jurídico.

Desta forma, na minha opinião, faz todo o sentido que a co-adopção seja aprovada. Compreendo que haja na necessidade de se verificar os critérios necessários à escolha de uma família, mas de forma alguma posso entender que se reduza o conceito de família ao tradicional pai e mãe.

E hoje, Portugal (Representantes partidários) teve uma atitude extrema” e “absolutamente chocante” ao chumbar a coadopção de crianças por casais homossexuais. Não aceito que o Estado e um país com mentalidade retrógrada decida que tipo de família pode criar uma criança. Não lhes compete decidir que tipo de família é a ideal para criar.

Imaginem, por exemplo, um casal homossexual, em que o membro do casal que legalmente adoptou uma criança morre. E uma vez que a co-adopção não foi aprovada, o membro do casal sobrevivente não tem direito legal de ficar com a criança que no seu coração já era sua. Acham isto correcto? Digam-me então, como se pode negar o direito a uma criança de ser adoptada legalmente por uma família com a qual já vive?

Muitos usam o desenvolvimento da criança como desculpa para criticar e chumbar o direito a co-adopção. Pois bem, um desenvolvimento saudável não depende da orientação sexual dos pais, mas sim da qualidade da relação entre pais e filhos.

Já vi ser referido que “crianças de casais homossexuais desenvolvem-se da mesma forma”. Pois eu não concordo, por uma simples razão! Na minha opinião, crianças com pais homossexuais desenvolvem-se muito melhor, pois crescem aceitando as diferenças de toda a gente e aprendem que a discriminação não tem lugar na vida dela. E esta sim, é a geração futura que o nosso país precisa.

Eu aprovo co-adopção!!

1525376_644043265631586_278161334_n

Reparem que a imagem que mostro fala por si!!

1926901_10201762858177895_549587603_n

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s